BLOG

Acompanhe a Mobits pelo RSS

FILTROS

tags
data

Se você deseja desenvolver apps para iPhone ou iPad e disponibilizá-las para o público em geral, basta ficar ligado nos 10 mandamentos que já publicamos por aqui.

Agora, se você busca um modelo de negócio um pouco mais complexo, existe outra alternativa: a licença Enterprise - também conhecida como In-house. Enquanto na licença normal (chamemos de licença App Store) a forma de distribuição em larga escala se limita a publicar na App Store*, na licença In-house você pode desenvolver e instalar seus apps diretamente nos aparelhos.

Mas não vá se empolgando ainda. Nesta licença existe uma restrição contratual muito importante: os apps desenvolvidos com ela devem ser instalados somente em aparelhos da empresa portadora da licença. Ou seja, se a sua empresa possuir a licença, somente seus funcionários poderão instalar seus apps próprios (por isso que se chama In-house). Se você distribuir o app livremente, poderá sofrer punições da Apple (não me pergunte quais, porque prefiro nem saber :D).

Contudo, se a sua ideia é desenvolver um app para uma empresa específica, ficam duas alternativas (ambas já experimentadas pela Mobits). A primeira, menos burocrática, mas tecnicamente mais complexa, consiste em desenvolver o app com a licença App Store (sua ou do cliente), publicar na loja e criar um mecanismo de configuração/autenticação que somente o seu cliente (ou clientes) conheça.

Para isso, você terá que deixar bem claro o objetivo e as restrições do app na descrição colocada na App Store e fornecer uma "conta demo" para que o processo de revisão da Apple possa validar a área restrita do seu app. Se você escolher esse caminho, a dica já foi dada.

Agora, se você quiser ter a liberdade de instalar seus apps nos aparelhos do seu cliente, você pode convencê-lo a obter a própria licença In-house.

Obtendo a licença In-house

A licença In-house custa US$299,00 ao ano e requer:

  • que o interessado seja uma empresa;
  • que a empresa possua um número DUNS;
  • que a pessoa responsável pelo cadastro tenha acesso aos dados legais sobre a mesma.

Assumindo que o primeiro item é trivial, o primeiro passo para obter a licença In-house é obter o número DUNS da sua empresa. O DUNS é fornecido pela Dun & Bradstreet (D&B) e é um número de 9 dígitos utilizado internacionalmente para transações comerciais e financeiras. Para obter o DUNS, escolha a forma mais adequada para a sua empresa.

Com o número DUNS ok, basta solicitar que o responsável legal pela empresa acesse o portal do iOS Developer Enterprise Program e clique em "Apply Now".

A partir daí o processo é bem burocrático um passo-a-passo básico: o responsável terá que criar um Apple ID (se não tiver um), preencher os dados da empresa, imprimir um formulário, eleger um cartão de crédito para realizar o pagamento e enviar um fax com esse formulário para a Apple nos EUA. OBS: assistimos esse processo há dois anos atrás. Se alguém realizou-o recentemente ou vier a realizá-lo, por favor confirme ou me corrija caso algum passo esteja faltando ou seja diferente do que narrei.

Não sei como anda o processo hoje, mas se não mudou nada de 2 anos para cá, vale a pena iniciá-lo o mais rápido possível (no início do desenvolvimento, p. ex.) pois pode ser que demore um pouquinho até tudo ficar acertado.

Se você sobreviveu a todo o processo, começar a utilizar a licença é muito semelhante ao modus operandi da licença normal. Você terá que criar os certificados e perfis; e configurar o build do seu app com o perfil correto (tudo explicado no portal de desenvolvimento da Apple).

Quando quiser instalar o app no iphone de algum funcionário basta enviar o build (.app) e o perfil de distribuição para que ele instale via iTunes. Para instalações em bloco, vale a pena experimentar o iPhone Configuration Utility.

* A conta normal permite o cadastro de até 100 aparelhos para instalação de apps sem passar pela App Store. Este caso é exclusivo para desenvolvimento e teste, mas inadequado para distribuição.

COMPARTILHE

30 COMENTÁRIOs

  1. Dennis 28/11/2011, 11:36

    Boa tarde Felipe, tudo bom? Quero desenvolver um app para várias empresas, e poderia usar o modelo "licença App Store", porém a Apple demora muito para homologar uma nova versão, não existe nenhuma distribuição que não precise da Apple Store ou de uma "licença In-house" que seria um processo muito burocrático?

  2. Felipe Barreto 28/11/2011, 14:04

    Olá Dennis,

    infelizmente, não há muitas saídas. Se o tempo de aprovação da Apple (1~2 semanas) for um impeditivo para você, acredito que só o In-House poderia ajudá-lo.

    Parece que existe uma forma de você colocar um app na App Store, mas restringir o download a apenas um cliente (Custom B2B apps).

    Não sei muitos detalhes, mas de qualquer modo, você precisará submeter o app em processo semelhante ao da App Store normal (com aprovação inclusive) e cada cliente seu terá que criar uma conta de Volume Purchasing for Business.

    Mais detalhes em:

    Se encontrar alguma saída mais adequada, não esqueça de comentar aqui sua experiência.

  3. Dennis 29/11/2011, 12:01

    Obrigado pela resposta Felipe, acho que não vai ter solução, terei que colocar meu aplicativo na Apple Store e torcer para que não tenha erros graves e que possam esperar (1~2 semanas), infelizmente!

    Grato pela atenção e pela resposta

  4. Marcelo 10/01/2012, 19:34

    Felipe, Uma empresa para qual presto servicos pretende instalar uma app em 700 devices. Com isso, tenho algumas perguntas: . A mesma empresa pode comprar 4 licencas enterprise? . O processo de instalacao dessas 4 licencas em um mesmo computador e possivel? . Existe alguma explicacao/tutorial para algum processo semelhante?

    Desde ja agradeco

  5. Felipe Barreto 12/01/2012, 14:46

    Oi Marcelo,

    eu não entendi a necessidade de comprar 4 licenças enterprise para a mesma empresa. Não há limite de aparelhos nesse tipo de conta (apenas a conta App Store é que limita em 100).

    De qualquer modo, o processo de instalação dos certificados e perfis para poder gerar e instalar os apps está descrito no developer.apple.com/ios em iOS Developer Portal (é preciso realizar o login para acessar o conteúdo).

    Espero ter ajudado.
    Abraço

  6. Leandro Guimarães 07/11/2012, 15:05

    Muito bom o post, tenho apenas uma dúvida:

    Vou construir uma app in-house, porém pretendo oferece-la para várias empresas diferentes.

    Nesse caso cada empresa deveria ter uma Licenca Enterprise, certo?

    Há algum problema em distribuir a mesma app para cada um dos clientes que tivesse essa licenca enterprise?

    Muito Obrigado!

  7. Felipe Barreto 13/11/2012, 11:21

    Olá Leandro,

    segundo o contrato com a Apple, o correto seria sim que cada cliente seu obtenha a sua própria licença.

    Você terá que reassinar o app com o certificado de cada cliente quando for distribuir o app para eles. Você pode fazer isso no XCode rodando, primeiro, o Archive. No Organizer, selecione o app arquivado e clique em Distribute. Lá você poderá escolher o profile que usará para reassinar o app quando for distribuir para um novo cliente.

    Espero ter ajudado.

  8. Fernando Berlinck Dutra Vaz 20/11/2013, 12:13

    Vc pode lançar sua App na loja como pessoa física! é mais barato e fácil! Depois se a App bombar vc pode mudar para a Empresa (garanto que a Apple não vai criar problemas!)

  9. Anisio 22/04/2014, 17:00

    Felipe, tudo bom?

    Cara seu artigo é excelente, só fiquei com uma dúvida. Quer dizer que seu adquiro a licença App Store (U$ 99) somente 100 usuários poderão instalar meu aplicativo?

    Obrigado.

  10. Felipe Barreto 02/05/2014, 20:46

    Oi Anisio,

    talvez tenha ficado confuso. A licença App Store dá direito a publicar seus apps lá e não há limite de quantas pessoas podem baixar.

    Esse limite de 100 aparelhos são para que você possa instalar seu app ANTES de publicar na App Store. São para aparelhos usados durante o desenvolvimento ou testes.

    Espero que tenha ficado mais claro.

    Obrigado pelo elogio e pela participação!

    Abs

  11. Paulo 26/06/2014, 14:14

    Olá Felipe,

    Parabéns pelo seu artigo muito esclarecedor e pela sua motivação em dividir experiências! Gostaria de saber se apra obter um MDM Vendor signing certificate é necessário possuir uma licença enterprise da Apple. O objetivo é utilizar o Push Notification service para gerenciar remotamente perfis e permissões de acesso em dispositivos móveis.

    Um abraço e obrigado pela atenção!

  12. Bonfá 08/08/2014, 18:47

    Felipe, Tudo bem?

    Estou me aventurando nas publicações de app e no caso minha conta é de pessoa física. No caso o Fernando acima comentou que era mais simples do que juridica, mas no caso.. Está muito dias para confirmar minha conta bancaria e tem um outro formulário de contrato que pede um tal " Taxpayer Identification Number (TIN)". Sabe alguma coisa sobre esse procedimento? Se é obrigatório realmente para nós brasileiros?

    Obrigado

  13. Felipe Barreto 08/08/2014, 18:55

    Olá Bonfá,

    infelizmente, não conheço o cadastro de pessoa física da Apple e não chegamos a preencher esse TIN.

    Se alguém que estiver lendo os comentários já houver passado pela experiência, poderia compartilhar conosco.

    Abraço!

  14. Antonio 09/02/2015, 14:08

    Boa tarde Felipe, muito bom o seu artigo me tirou diversas duvidas, seria interessante realizar o mesmo artigo para as plataformas Android e Windows Phone ao qual estou pesquisando neste momento como funciona as licenças pois a do IOS tu já me esclareceu!

    Obrigado mais uma vez!

  15. Antonio 09/02/2015, 14:28

    Uma duvida Felipe, caso eu pague pela licença independente de qual, publique meu app, e daqui um ano eu não renove essa licença, no caso do app que já estava publicado na app store o que vai acontecer? Ele continuará disponível ou será bloqueado?

    Obrigado!

  16. Felipe Barreto 09/02/2015, 14:59

    Oi Antonio,

    valeu pela sugestão. Contudo, a Google e a Microsoft são muito mais simples nesse aspecto. Não é necessário uma licença especial para casos específicos como na Apple.

    No caso do Android, basta acessar https://support.google.com/googleplay/android-developer/answer/6112435?hl=pt-BR

    E do Windows Phone https://dev.windows.com/en-us/join

  17. Felipe Barreto 09/02/2015, 15:03

    Oi Antonio,

    caso a sua licença App Store expire, os seus apps não poderão ser baixados ou atualizados na loja até que a situação seja resolvida (deve haver um prazo para resolver a situação antes de eles apagarem tudo de vez). Os clientes que já houverem baixado os apps continuarão usando normalmente.

    Já na In-house os apps assinados expiram em 1 ano, o que obriga a você re-assinar os apps todos os anos e seus colaboradores atualizarem os mesmos para continuar usando-os.

    Abs

  18. Rodrigo 05/11/2015, 10:53

    No artigo voce diz "Quando quiser instalar o app no iphone de algum funcionário basta enviar o build (.app) e o perfil de distribuição para que ele instale via iTunes. ". Mas tem como eu disponibilizar somente o *.ipa via uma url e ele instalar no aparelho? Não é necessário instalar via iTunes certo?

  19. Felipe Barreto 05/11/2015, 11:42

    Correto, Rodrigo.

    Você gera o IPA assinado com o profile da licença InHouse e cria um pequeno arquivo PLIST descrevendo o pacote.

    Hospede o IPA e o PLIST no seu servidor seguro e forneça um link semelhante ao abaixo:

    itms-services://?action=download-manifest&url=https://mydomain.com/apps/MyInHouseApp.plist

    Você encontra referências no Google de como criar seu PLIST buscando por "create plist file in house distribution".

    Espero ter ajudado.

    Abs

  20. Rodrigo 05/11/2015, 11:48

    Perfeito, muito obrigado pela ajuda.

  21. Alex 03/02/2016, 14:12

    Felipe, Sabe se existe outra forma de pagamento para a licença App Store, fora cartão de crédito? Fica ruim para a contabilidade de algumas empresas tratarem o pagamento em cartão pessoal de um funcionário...

  22. Felipe Barreto 04/02/2016, 22:21

    Olá Alex,

    até onde eu saiba a Apple continua exigindo cartão de crédito.

    Então, não tem muito jeito. Terá que ser o cartão corporativo, ou de um dos sócios, diretores ou até colaboradores.

    Abs

  23. Ricardo Azevedo 16/08/2016, 15:30

    Olá Felipe, tudo bem?

    Parabéns pelas informações postadas.

    Sabe me dizer se a licença Custom B2B é atualmente utilizada pelas empresas de software brasileiras? Pergunto isto porque não entendo como utilizar o programa de compras VPP da Apple para distribuição se ele, até onde eu sei, não está disponível no Brasil.

    Obrigado!

  24. Felipe Barreto 18/08/2016, 14:24

    Oi Ricardo,

    infelizmente não conheço nenhum caso no Brasil. De fato, de acordo com o site do VPP (http://www.apple.com/business/vpp/), não há disponibilidade no Brasil.

    Sobram apenas as opções de App Store e In House.

    Agora, olhando para os casos mais recentes que temos visto ou trabalhado para soluções de negócios, vejo que a opção cada vez mais usada para negócios é a do Android.

    Havendo a possibilidade de definir aparelhos Android como requisito técnico para a solução, torna os custos de distribuição e implantação muito menores.

    Abs

  25. Anderson Alves de Sousa 04/09/2017, 17:18

    Olá, Felipe.

    Minha empresa iniciará a desenvolvimento de AppMobile e quer publicar na Apple Store, obviamente vamos precisar testar nos aparelhos da Cia antes de disponibilizar na loja para qualquer usuário. A minha licença para esta situação deve ser a In House? Qual outra seria?

  26. Fernando 02/10/2017, 13:04

    Boa tarde, Estou com uma grande dificuldade de publicar um aplicativo na Apple. Foi desenvilvido por uma empresa externa o aplicativo, e eles publicaram na Apple Store, porem foi barrado com a justicativa de que o Aplicativo não se enquadra ao negicio, sendo necessario utilizar o VPP (Volume Program Purchase) para distribuir o aplicativo. Como faço isso? Abaixo resposta da Apple.

    We found that your app is not appropriate for the App Store since it is designed specifically for Vivo.

    It would be more appropriate to distribute and sell your app as a custom B2B app, directly to your business customers, through the Volume Purchase Program. You can find additional information regarding the Volume Purchase Program and the Custom B2B App Store in iTunes Connect Developer Help.

  27. Felipe 03/10/2017, 10:32

    Olá Fernando,

    não temos experiencia com o VPP, mas pelo que pude entender através dos links abaixo, a Vivo teria que ter uma conta VPP para poder baixar, entre outras coisas, app B2B feitos para ela. Você, por sua vez, ao subir o app no iTunes Connect, teria alguma maneira de indicar que ele pertence ao VPP e quais clientes poderão baixá-lo.

    Visão do desenvolvedor (você): https://developer.apple.com/programs/volume/

    Visão do cliente (Vivo): https://www.apple.com/business/vpp/

    Espero ter ajudado de alguma forma.

    Abs e boa sorte

  28. Adriano Wohlers 28/11/2017, 15:44

    Olá Boa tarde!

    Somos uma agencia e desenvolvemos apps para diversos clientes de diversos segmentos diferentes, existe uma limite de quantos apps posso publicar em cada conta?

    Um exemplo é o modelo do app voltado para delivery, cada app pertence a uma empresa diferente, tenho que criar uma conta para cada empresa cliente? posso fazer isso usando uma conta idividual se eu trabalhar como freelancer?

    Podem me orientar?

  29. Quintana 28/11/2017, 16:04

    Adriano,

    não existe restrições de números de apps por conta, a nossa conta é um exemplo: estamos com mais de 90 apps.

    Contudo, a Apple não está mais permitindo novos aplicativos white labels, apenas atualizar os que já existem. Leia o post abaixo para mais informações:

    http://www.mobits.com.br/2017/10/6/nova-politica-apple-ameaca-negocios-mundo

    Eles passaram a reprovar pelo guideline 4.3 o segundo app lançado com o mesmo código do primeiro, ex: restaurante A e restaurante B. A recomendação deles é que os apps sejam unificados (como um iFood, por exemplo).

  30. Luiz Gadelha 18/01/2018, 13:37

    Olá Felipe, Não sei se eu problema tem haver aqui, mas nao custa nada perguntar. Quero abrir uma loja de revender capas iphones, so que estou em duvida se preciso de uma licença da apple para poder se utilizar da marca, pois tenho que fazer a divulgação e nesse meio nao sei se vão querer algum ressarcimento depois por conta de ta expondo a marca.

DEIXE UM COMENTÁRIO

If you can read this, you don't use a typical webbrowser that plays nice with CSS.
Please do not fill in anything here!